Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Meu Doce Limão

"Um dia é preciso parar de sonhar e, de algum modo, partir" - Amyr Klink

Meu Doce Limão

"Um dia é preciso parar de sonhar e, de algum modo, partir" - Amyr Klink

Passamos pelas coisas sem as ver

 

 

 

 

 

blue-girl-hair-photography-snow-Favim.com-419365.j

 

Em 1948 Eugénio de Andrade escreveu: “Passamos pelas coisas sem as ver, gastos, como animais envelhecidos: se alguém chama por nós não respondemos, se alguém nos pede amor não estremecemos, como frutos de sombra sem sabor, vamos caindo ao chão, apodrecidos.”

Hoje estamos em 2017, e o pensamento é o mesmo. Esta vida desenfreada, de acordar, trabalhar, dormir. Como se de um ciclo vicioso se tratasse. As pessoas não têm tempo. Tempo para usufruir. Tempo para aproveitar. Repara. Estamos na correria, sem olhar pela janela para apreciar a paisagem. Gastas, cansadas, sem vida. Todos os dias iguais, todos os dias mecanizados. Um quotidiano totalmente previsível.

As pessoas perderam a compaixão, a capacidade de se colocarem no lugar do outro. Queixamo-nos da segunda-feira, ansiando pelo fim-de-semana. Queixamo-nos do frio, da chuva, do imenso calor. Queixamos-nos das filas de espera, da falta de paciência para com quem nos está a atender. Da falta de compreensão para com a espera. Passamos pelas coisas sem as ver, não há um “boa tarde” ao vizinho, um “bom dia” às pessoas que não conhecemos mas com quem nos cruzamos todos os dias. Vivemos com fotos e sorrisos perfeitos online. Das nossas crianças, surgem vídeos de violência, casos de bullying que alguém viu, mas que não teve coragem para travar. Dos nossos velhinhos, a solidão. Sozinhos. Nas praças, nas ruas, alguns sem poderem ver o sol a brilhar. Acamados. Sem famílias, sem visitas, e muitas vezes tratados como lixo.

Dos nossos animais, abandonados na rua, sem dó nem piedade. Um flagelo. Com fome, com frio, abandonados. Passamos pelas coisas sem as ver. Hoje a aparência importa mais do que a essência.

Sabotamos a vida porque não vemos a vida como ela é. Hoje é o agora. O momento de colocar um like na vida de alguém, é agora: um like real. Memoriza a paisagem feliz, diz bom dia a todos em voz alta e repara. Repara porque há alguém em algum lugar, perto ou longe, que está a fazer alguma coisa boa por nós. Alguém que passa por nós e nos vê.

Repara bem, porque por  vezes não vemos com olhos de ver. Mas há alguém que nos vigia, que nos acalma, que está sempre lá. Repara bem, não passes pelas coisas sem as ver.

Repara bem, são abraços dados aos longe, são pensamentos onde habitamos.

Dá o teu melhor, sempre. Porque há alguém que nos dá o melhor também.